Manhãs Orvalhadas!

Khan Ruz

[…] e assim…
Todas as manhãs,
as flores amanheciam orvalhadas.
E da minha janela,
eu podia sentir o perfume
que delas me chegavam,
como forma de amor.
E eu pensava em você!
E eu queria você.
E eu sonhava,
com tudo que fazíamos
nessa época de
beleza e encantamento.
Sentia o seu hálito quente,
me acariciando a orelha…
E seu sorriso,
beijando os meus lábios.
Era a estação que mais
nos amávamos.
Que mais nos queríamos…
Nos aquecíamos,
vendo a linda paisagem
que ornava o nosso amor!

Dayse Sene
Imagem( Salva de Khan Ruz).

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
Pular para a barra de ferramentas