Crônica Dos Meus Dias!

397978_242238895911054_1109598932_n

[…] tinha
sempre o hábito
de colher flores,
pela manhã…
Raminho de sonhos.
Com perfumes do campo.
Pensava em você!
Esperava que viesse,
antes dele murchar.
Mas murchava.
O amor não vinha.
Os sonhos adormeciam.
Mas nas mãos,
o cheiro durava até o outro dia.
Quando de novo,
outros raminhos eu colhia.
E levo a vida assim.
Colhendo flores e sonhos.
Com mãos delicadas e
carregadas de perfumes.
Penso!
Que um dia…
Poderei,
te ofertar nem que
seja um raminho
de flores.
Mesmo que beijos
não queira me dar.
Mas se gostar
do meu cheiro.
Da minha energia…
Venha! Me ame…
Amanha,
novos sonhos e raminhos
irão brotar!

Dayse Sene
Desconheço autoria da imagem.

Deixe uma resposta

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
Pular para a barra de ferramentas